Registe-se já ou introduza
o seu email e palavra-passe:

Centrada em si
TENA
Home Pavimento pélvico Pavimento pélvico e reeducação Sabe onde estão os músculos do seu pavimento pélvico?
banner_MUESTRA

Sabe onde estão os músculos do seu pavimento pélvico?

Pavimento pélvico e reeducação

0 2987

Muitas mulheres têm uma ideia bastante ambígua ou não sabem o que responder a esta pergunta. Não seja uma delas. Descubra o seu pavimento pélvico.


Partilhe com as suas amigas:

Se está a ler o nosso artigo, é porque sabe como é importante ter o pavimento pélvico fortalecido e tonificado. Muito bem: o primeiro que deve fazer é consciencializar-se do posicionamento destes músculos do pavimento pélvico, e de que necessitamos ter bom controlo da contração dos mesmos. Porque estes só se fortalecem se os contraímos.

Realizando determinados movimentos da pélvis e do abdómen, o pavimento pélvico contrai-se mas estas contrações não são suficientemente potentes para fortalecê-lo. Para reeducar o pavimento pélvico exercer uma atividade direta sobre os músculos que integram o pavimento pélvico.

Aprender a contrair o pavimento pélvico

Damos-lhe algumas pistas sobre como aperceber-se da contração desta musculatura:

  • Colocamos os nossos dedos entre a entrada da vagina e o esfíncter do ânus, na zona denominada como zona perineal e contrair o pavimento pélvico, para sentir a contração dos músculos com os dedos.
  • Outra opção é colocar um espelho na região perineal para observar o que ocorre quando efetuamos a contração. Neste caso devemos observar que a vagina se fecha e se desloca para dentro.
  • Por outro lado, pode ser útil tentar interromper a micção uma única vez para sentir a atividade destes músculos e sobretudo, o efeito fecho dos mesmos sobre a uretra. Nunca deverá realizar esta ação de forma repetida e muito menos com a intenção de fortalecer os músculos do pavimento pélvico uma vez que poderia provocar disfunções e problemas de bexiga. Em qualquer caso, imaginar que estamos a interromper a micção é uma ação que pode ser útil porque pode ajudar a ter consciência da atividade destes músculos.

E ainda, existem aparelhos mais sofisticados, utilizados pelos especialistas, que ajudam a visualizar o grau de contração que estamos a efetuar. Estes aparelhos identificam a contração, registam o nível de força dos músculos e permitem treinar esta musculatura.

Veja o nosso vídeo que a ajudará a localizar esta musculatura:

 

Pode também interessar-lhe...

Partilhe com as suas amigas:

Deixe-nos um comentário