TENA

Centrada em si > #AceiteODesafioTENA > Nova etapa, novos desafios: prepare a mente para o melhor
Home #AceiteODesafioTENA Nova etapa, novos desafios: prepare a mente para o melhor

Nova etapa, novos desafios: prepare a mente para o melhor

#AceiteODesafioTENA


Nova etapa, novos desafios: prepare a sua mente para o melhor
0 2932

Pensa que caiu na rotina? Começa a conformar-se com pouco? Cada vez lhe custa mais imaginar e enfrentar novos desafios? Não caia na apatia, seja mais ambiciosa e prepare-se para enfrentar grades desafios. É possível!




Há duas formas de encarar cada etapa da sua vida: com melancolia ou com energia renovada. Obviamente, a opção certa é a segunda. Trata-se de adotar novos hábitos e de adaptá-los à nossa própria rotina, as coisas que sempre têm funcionado. Simplesmente, trata-se de adquirir um extra que nos tire da apatia e nos faça sentir mais seguras perante desafios futuros. Os que sejam colocados por nós ou os que nos sejam propostos. Deixamos-lhe aqui alguns bons conselhos:

Seja sempre positiva

Manter-se positiva vai ajudá-la a estar motivada e concentrada para superar qualquer desafio. É uma forma de evitar ou antecipar-se aos conflitos antes que estes aconteçam, quer seja uma discussão em casa ou um problema no trabalho.

Aproveite a sua experiência

Já não é uma adolescente que quer comer o mundo inteiro com uma visão um tanto irreal da vida. Entrou numa idade na que tem a experiência suficiente para detetar quando chega um problema e selecionar desafios com elevada probabilidade de os cumprir. Aproveite!

Reconheça quando precisa de ajuda

Deixe de lado o orgulhos, algo que realmente apenas a pode levar a tomar más decisões, e reconheça quando precisa de ajuda. Principalmente, quando vê que fica sem energias, tanto físicas como mentais. Apoie-se nos seus ou inclusive na opinião especializada.

Analise os prós e os contras de cada desafio

Pegue num papel e numa esferográfica. Escreva em grande o desafio que tem de enfrentar – pessoal ou profissional – e avalie os prós e os contras em duas colunas diferentes. Exponha as sus fortalezas e debilidades para as superar. Escrever vai ajudá-la a reforçar as primeiras e a dedicar um esforço extra às segundas. E, finalmente, pode escrever a conclusão, que provavelmente será a solução.

Assuma desafios realistas

Assumir e definir metas e desafios é fantástico, mas apenas se forem realistas. De outra forma, apenas a podem conduzir à frustração e, finalmente, ao fracasso. Às vezes, alegra-nos mais alcançar três desafios pequenos do que um grande. Superar desafios factíveis fará de si mais perseverante em cada ação de êxito que junte à sua vida.

Seja perseverante, assuma os seus bons hábitos para sempre

Para que uma coisa funcione, há que dedicar-lhe tempo e ser perseverante. Para isto serve a chamada “regra dos 21 dias”, formulada há já 60 anos e plenamente em vigor. Deve dedicar 15 minutos por dia à mesma hora e no mesmo lugar a qualquer novo desafio que deseje incorporar na sua vida. E é importante mantê-lo até que se cumpram os 21 dias consecutivos de prática perseverante. Ao cumprir três semanas, este novo hábito será incorporado de forma natural no seu dia, de forma que “o corpo pede”. Pode ser deixar de fumar, assumir uma rotina de exercício ou alimentação saudável. Verá como nota o resultado.

Escreva um diário

Pôr por escrito ajuda a adquirir uma nova perspetiva das coisas. Escrever um diário permite identificar tudo o que de valioso fez durante o dia, encher-se de modéstia para admitir erros e criar uma valiosa distância para tomar melhores decisões futuras que a ajudem a solucionar problemas. Da mesma forma, escrever as coisas que saíram bem durante a jornada redobrará o seu ego e autoestima. E também a ajudará a recordar o valor da perseverança.

Aceite o êxito e o fracasso como parte da viagem

A vida é um fio contínuo de aprendizagem, inclusive a partir dos 50. Ninguém faz sempre tudo bem e ninguém erra continuamente. Fazem parte do processo dinâmico da vida coisas como  tentar ter êxito, fracassar e voltar a tentar de novo. Esta é a única forma de desenvolver uma confiança duradoura em nós mesmas. A idade está do nosso lado: a experiência ensina-nos que o êxito pode ser efémero e que sempre podemos recuperar de qualquer fracasso. Relativize um e outro.

Cuide da suas relações pessoais

Uma vez que entre numa rotina, e por muito desmotivadora que esta seja, é sempre fácil deixar de prestar atenção ao que mais importa: as relações com as pessoas que realmente queremos. O amor deve ser uma experiência dinâmica, e ainda mais na idade madura. Tenha em conta que eles serão os que celebram consigo os seus êxitos e a ajudarão no fracasso.

Desafio: Desenvolver um plano de ação e implementá-lo na sua vida diária

Pode também interessar-lhe...

Partilhe com as suas amigas:
Centrada em si