Registe-se já ou introduza
o seu email e palavra-passe:

Centrada em si
TENA
Home Pavimento pélvico Pavimento pélvico e costas Como levantar pesos sem danificar o pavimento pélvico
banner_MUESTRA

Como levantar pesos sem danificar o pavimento pélvico

Pavimento pélvico e costas

levantar_pesos
0 1137

Diariamente temos que carregar diversos objetos, muito deles bastante pesados... Sabia que se não os levanta corretamente pode acabar por debilitar o pavimento pélvico e consequentemente ter perdas de urina?


Partilhe com as suas amigas:

Se carregamos constantemente objetos pesados como malas de viagem, carteiras, caixas, ou mesmo bebés ou crianças, podemos a longo prazo alterar o funcionamento do pavimento pélvico e aumentar o risco de sofrer de perdas de urina quando fazemos esforços. Como evitá-lo? Aprendendo a posicionar bem o nosso corpo e automatizando movimentos corretos. A ação de levantar um peso do chão ou de algum lugar próximo implica que temos que fletir o corpo para podermos carregá-lo.

A inclinação do nosso corpo pode realizar-se de maneiras muito diferentes, fletindo a coluna, fletindo os joelhos ou fletindo as ancas. A flexão da coluna não é o movimento mais adequado, uma vez que coloca em tensão as estruturas que estabilizam as vértebras e os discos vertebrais (elementos asociados às dores de costas), mas além disso, durante o movimento perde-se o alinhamento correto da coluna e da pélvis. A perda de alinhamento entre a coluna e a pélvis afecta a atividade do pavimento pélvico.

Estudos recentes demostraram que a atividade do pavimento pélvico é maior quando ambas as estruturas estão corretamente alinhadas. O problema surge quando o que carregamos é pesado. Neste caso precisamos que o nosso pavimento pélvico esteja a funcionar corretamente e possa dar resposta à carga do objeto sem por em risco a continência. É então que se não estivermos conscientes da forma como o levantamos, estamos a danificar o pavimento pélvico, o que pode levar a problemas de incontinência.

A ação correta é inclinarmo-nos utilizando as articulações da anca e dos joelhos em simultâneo, ou seja, mantendo a coluna e a pélvis em posição neutra (corretamente alinhadas) e fletir utilizando as articulações da anca e dos joelhos, nunca a coluna. Além disso, se queremos proteger o nosso pavimento pélvico é importante contraí-lo imediatamente antes de carregar o peso e mantê-lo contraído até que voltemos à posição inicial. Desta forma prevenimos lesões de costas e ainda alterações do pavimento pélvico.

Pode também interessar-lhe...

Partilhe com as suas amigas:

Deixe-nos um comentário