TENA

Home Saúde Dieta Controle os excessos de Natal com estes conselhos

Controle os excessos de Natal com estes conselhos

Dieta


Controle os excessos de Natal com estes conselhos
0 406

Teme que os excessos natalícios deitem por terra o esforço de meses para manter o peso controlado? Deixe de lado os seus medos e viva intensamente esta época do ano. Só tem de seguir estes conselhos para usufruir desta quadra ao máximo (...e sem um grama a mais).




Depois de um momento em que abundaram os excessos, os açúcares e as grandes quantidades de comida, deve ter presente que não tem de fazer grandes mudanças nem restrições. Estes conselhos vão ajudá-la a evitar o peso destas festas e a fazer as restantes refeições de forma mais equilibrada.

Planifique as refeições e escolha alimentos de qualidade

O Natal tem uma data concreta em que nos costumamos reunir e usufruir tanto da comida como da companhia. No entanto, deve ter em conta que se tratam de dias pontuais e não de uma rotina que deve continuar durante todas as férias.

O mais recomendável é que, no momento de encarar estas refeições, comece por escolher alimentos mais saudáveis e com menos densidade calórica, como carnes e peixes magros. Assim, aumentará a sua saciedade e quando chegar o momento de escolher opções mais calóricas, como fritos ou doces, terá menos apetite e poderá controlar melhor os excessos de Natal.

Não se iniba

Culpas, restrições… Não se deve inibir de nada. Tudo isto só levará a aumentar os níveis de ansiedade e causará a sensação de que está a perder algo. Saboreie aquele copo de vinho que tanto lhe apetece, ou aquela fatia de bolo-rei que leva dias à espera. Prove um pouco do que lhe apeteça, saboreie e usufrua do momento, embora sem perder de vista que tem de cuidar de si. A chave está na moderação.

Beba água suficiente

Os maricos, os molhos, o bacalhau ou o polvo são comidas abundantes em sal, pelo que podem provocar a temida retenção de líquidos. Se a quiser evitar, beba bastante água e outras bebidas saudáveis como estes cocktails sem álcool.

Por outro lado, as refeições de Natal costumam ser acompanhadas pela ingestão de álcool. Beber água evitará sintomas derivados destas substâncias, como dores de cabeça, e vai ajudá-la a regular a sensações de fome que sofremos por não estarmos bem hidratados.

Cuide da sua alimentação no resto das refeições

“Comi muito nesta refeição, em janeiro faço dieta”. Quantas vezes já ouviu esta frase? Efetivamente, certamente que muitas. O mais recomendável é que não a leve a cabo e comece a sua mudança de hábitos agora mesmo.

Devemos ter em conta que durante o Natal temos uma série de eventos pontuais, os quais, claro, temos de aproveitar. Contudo, é importante que, na hora de encararmos o resto de refeições desta quadra, procuremos escolher alimentos ricos em proteínas e baixos em gordura, como o iogurte ou os ovos, que nos vão manter saciados e ajudar a controlar os excessos próprios do Natal.

Faça exercício físico de forma constante

Se sente que perdeu o seu progresso, não se preocupe! Não vai perder os seus resultados de forma tão rápida. Tal como não os conseguiu de um dia para o outro, também não os vai perder numa refeição.

Fazer exercício físico não só a vai ajudar a eliminar estes excessos, como também melhorará o seu estado de espírito. Sair para caminhar com a sua família, dar um passeio e conhecer novos recantos ou fazer atividades desportivas com os mais novos são algumas ideias que a ajudarão a manter-se em forma.

Descanse adequadamente

O sono é o grande esquecido nas rotinas saudáveis. Segundo os especialistas, é recomendável dormir entre 8 a 9 horas, não só para termos mais energia, mas também para controlarmos o peso.

Dormir pouco provoca o aumento da ansiedade e a irritabilidade, e ao mesmo tempo pode provocar um aumento do apetite. Estabeleça uma rotina, procurando deitar-se e levantar-se à mesma hora para conseguir um bom “relógio biológico”.

Em suma, não, não precisa de fazer dietas restritivas com antecedência, nem precisa morrer de forme nem se sentir depois culpada. O mais importante é aproveitar esta quadra, mantendo sempre um pouco de controlo com o objetivo de usufruir do Natal ao máximo.

Pode também interessar-lhe...

Partilhe com as suas amigas:
Centrada em si