Registe-se já ou introduza
o seu email e palavra-passe:

Centrada em si
TENA
Home Saúde Actividade física Exercício e gravidez? Descubra os benefícios
banner_MUESTRA

Exercício e gravidez? Descubra os benefícios

Actividade física

gravidez_desporto-700x467
0 933

Chegar ao momento do parto com uma musculatura tonificada e forte ajuda-a a enfrentar melhor essa ocasião tão especial, tornando-a mais simples e fácil.


Partilhe com as suas amigas:

Sabia que ser uma mãe desportista tem muitas vantagens? Praticar exercício regularmente durante a gravidez não é apenas compatível, como muito recomendável para futuras mamãs. O parto é um processo fisiológico e dinâmico, que se apresenta como uma sobrecarga para nós.

Ainda que saibamos que são muitos os fatores que influenciam o nascimento, a condição física da mãe é muito importante.

O trabalho de parto será mais fácil se o seu corpo estiver fisicamente preparado

Quer opte pela anestesia epidural, quer não, a colaboração da mãe é imprescindível para poder dar à luz. Por isso, nesse grande momento, é recomendável estar em forma, ou seja, que pratique exercício físico.

Alguns estudos sugerem que as mamãs que apresentam bom tónus muscular e estão em boa forma física estão mais preparadas para enfrentar o parto: para elas, este costuma ser mais fácil e curto.

Quando começar a praticar exercício?

O segundo trimestre é o momento certo para iniciar este tipo de preparação, na qual devem ser combinados exercícios aeróbicos e de tonificação, centrados nos músculos da pélvis, a região lombo-abdominal e os membros inferiores.

O mais aconselhável é ser orientada por um profissional para evitar exercícios que possam apresentar riscos. O objetivo: tonificar os músculos e controlar a sua atividade.

Estes exercícios vão ajudá-la a controlar o seu corpo, sobretudo se optar por um parto com epidural, uma vez que graças aos efeitos da anestesia, não receberá as “mensagens” do seu corpo que a guiam no momento do parto.

Quando a gestação entra na reta final, a partir da semana 33-34, convém tonificar e flexibilizar a musculatura do pavimento pélvico para reduzir danos que advenham do parto. Desta forma, os seus músculos estarão saudáveis e fortes.

Deverá lembrar-se que ainda que a gravidez seja uma das situações fisiológicas em que o exercício físico é mais necessário e aconselhável para a mulher, o ideal é começar a preparar-se fisicamente muito antes de estar grávida e continuar depois de ter o bebé.

Pode também interessar-lhe...

Partilhe com as suas amigas:

Deixe-nos um comentário