Registe-se já ou introduza
o seu email e palavra-passe:

Centrada em si
TENA
Home Psicologia Manual de instruções: como falar sobre a menopausa com os seus entes...
banner_MUESTRA

Manual de instruções: como falar sobre a menopausa com os seus entes queridos

Psicologia

Menopausa_entesqueridos-700x467
0 10480

Afrontamentos, insónias, mudanças de humor… Muitas vezes não entendemos o que acontece no nosso corpo durante a menopausa, e os nossos entes queridos muito menos, o que faz com que nos sintamos sós e frustradas. Damos-lhe alguns conselhos para que, juntamente com os seus mais chegados, trabalhem em equipa para viver esta etapa de transição.


Partilhe com as suas amigas:

Estamos expostas a muitas mudanças ao longo das nossas vidas e não as enfrentamos a todas de forma positiva. Mas calma, já sabemos que durante esta etapa a solidão pode bater à porta e sentimo-nos mais nostálgicas, mas a felicidade depende sempre da nossa postura. Esta ‘viagem’ será mais fácil se tivermos o apoio e compreensão das pessoas que nos são mais próximas.

Damos-lhe cinco conselhos que o seu parceiro, família ou amigos podem aplicar no dia-a-dia. A verdade é que ‘problemas partilhados são problemas menos pesados’.

1- Sugira-lhes que se informem sobre os sintomas da menopausa

É importante que as pessoas que estão à sua volta estejam conscientes das mudanças que está a enfrentar. A menopausa afeta-nos física e psicologicamente, vivemos numa ‘explosão’ de hormonas que nem sempre conseguimos controlar, mas se o nosso parceiro ou os nossos filhos se informam sobre os sintomas e estão conscientes de como nos sentimos, as relações melhorarão em termos de empatia e cumplicidade.

2 – Saiba expressar os seus sentimentos

A verdade é que algumas mulheres têm dificuldade em expressar os seus sentimentos aos seus entes queridos, mas se o fizer, a sua atitude vai melhorar e conseguirá aceitar de forma mais natural os afrontamentos, as insónias ou mesmo as perdas de urina. Tem que sentir que não está sozinha e que falar sobre a sua situação vai fazer com que a compreendam melhor.

3 – Dar-lhe a importância que realmente tem

Tem que estar consciente que este é apenas mais um período na sua vida, mas sobretudo, os que a rodeiam têm que estar conscientes do mesmo. As mudanças que vai atravessar são reais, por isso o seu círculo mais próximo deve dar-lhes a devida importância. Não é o pior momento que alguma vez passou, mas também não é algo superficial. Terá sempre que relativizar.

4 – Tenha uma atitude otimista

O seu estado de ânimo pode pior mais do que gostaria e assim afetar a relação com o seu companheiro, com os seus filhos ou mesmo a que tem consigo mesma. Se lhe mostrarem que estão receptivos e conscientes do que está a acontecer, sem lhe retirar importância, mas sem dramatizar os sintomas, estas relações afetivas sairão fortalecidas.

5 – Apoiá-la, adaptar-se a si

Os que mais gostam de si deverão apoiá-la e percorrer este caminho ao seu lado. Deverão ajustar-se mais a si quando não se sinta bem animicamente ou quando o cansaço acaba por vencer. Sentir que estão ao seu lado dar-lhe-á segurança para continuar a manter uma vida plena e feliz. E na verdade é isso que importa, ou não?

Ouvi-la, compreendê-la e apoiá-la serão algumas das chaves para estreitar ainda mais os laços afetivos com os nossos entes queridos. Partilhe este artigo com eles e acaba a solidão na menopausa. Não é fácil, mas com carinho e boa disposição, é certo que entre todos farão com que esta etapa seja mais fácil.

Pode também interessar-lhe...

  • A importância das amigasA importância das amigas Compreendem-nos, suportam-nos, apoiam-nos, animam-nos… E gostam de nós. São um apoio fundamental para viver as mudanças da menopausa com […]
  • Falamos de sexo com naturalidade?Falamos de sexo com naturalidade? Quando há algo que não está a funcionar, fala sobre o assunto com o seu companheiro? E com as suas amigas? Conta a alguém ou tem vergonha […]
  • Combater a rotina do casalCombater a rotina do casal Sente que nada é como antes na sua relação amorosa? Não sente o mesmo desejo que antes? As coisas mudam com o tempo, sobretudo em momentos […]
  • Como combater a solidão da menopausaComo combater a solidão da menopausa Nesta etapa é normal sentir-se perdida, mas existem mecanismos para receber o apoio de que necessita. A família, o companheiro, um […]
Partilhe com as suas amigas:

Deixe-nos um comentário