Registe-se já ou introduza
o seu email e palavra-passe:

Centrada em si
TENA
Home Saúde Dieta Excesso de peso não, obrigada!
banner_MUESTRA

Excesso de peso não, obrigada!

Dieta

Excesso de peso não
0 3112

Cuidado! O excesso de peso prejudica a nossa saúde e pode afetar de forma negativa o pavimento pélvico. Não existem dietas milagrosas, mas sim uma forma saudável de comer. Quer saber mais?


Partilhe com as suas amigas:

O excesso de peso compromete a saúde geral da mulher, causando uma série de alterações entre as quais também se inclui um aumento da sobrecarga do pavimento pélvico e, consequentemente, uma maior incapacidade para conter a urina quando fazemos os esforços habituais do dia-a-dia, como espirrar, rir ou tossir.

O excesso de peso é um problema crescente na nossa sociedade. Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), em Portugal 56,6% das mulheres têm excesso de peso e 26,3% são obesas.

Como podemos tratar o excesso de peso?

  • Em primeiro lugar, recomendamos que estabeleça um objetivo razoável de perda de peso.  Programe perder entre 5% e 10% do seu peso inicial, num prazo não inferior a 6 meses. Deve ser paciente, porque as perdas de peso rápidas dão lugar àquilo que conhecemos como efeito de ioiô, que causa danos no organismo, como problemas cardiovasculares, hipertensão e formação de cálculos biliares.

A perda rápida de peso causa danos no organismo a médio-longo prazo

  • É conveniente colocar-se nas mãos de um profissional de nutrição para lhe aconselhar a melhor opção na dieta a seguir. Estudos recentes indicam que além da restrição de gorduras habitual nas dietas de emagrecimento, consegue-se uma maior perda de peso quando se limita também o consumo de alimentos refinados como pão, cereais ou massas, substituindo-os por legumes, cereais integrais ou arroz integral, muito mais ricos em fibras e com mais efeito saciante. Além disso, este tipo de alimentação ajuda a tratar a obstipação, outra alteração que aumenta o processo de sobrecarga do pavimento pélvico.

Fonte: centradaenti.es

Pode também interessar-lhe...

Partilhe com as suas amigas:

Deixe-nos um comentário